Image

Carta Sindical

10/02/2017 09:33:24  

O presidente do SindSistema, Gutembergue de Oliveira e o diretor de Defesa de Classe, Marcos Ferreira de Lima estiveram durante quatro dias em Brasília difundindo a necessidade da aprovação da PEC 308/04, com a Fenaspen, na busca de apoio dos deputados Federais da  bancada do Rio de Janeiro.

Na sala da presidência da Câmara, da esquerda para a direita: asp William Araújo Narin (secretário geral do Sindesp-SP), Isap Marcos Ferreira de LIma (diretor de Defesa de Classe/SindSistema-RJ), Isap Gutembergue de Oliveira (presidente do SindSistema-RJ), embaixador Hélio Vitor Ramos Filho (Assessor Especial do Presidente da Câmara), asp João Rinaldo Machado (presidente Sifuspesp-SP) e asp Sidney Andrade (presidente do Singeperon-RO).

 

Caravana da Fenaspen com o Deputado Federal Lincoln Portela (PRB-MG).

 

Isap Marcos Ferreira de Lima (diretor de Defesa de Classe/SindSistema-RJ), Deputada Federal Cristiane Brasil (PTB-RJ) e o Isap Gutembergue de Oliveira (presidente do SindSistema-RJ). 

Fruto, também, dessa ida à Brasília, o presidente Gutembergue e o diretor Marcos Ferreira conseguiram solucionar questão antiga e que muito afligia uma parcela da categoria: o deferimento de nossa Carta Sindical. “Finalmente, depois de muito trabalho e entrave causado por pessoas que só servem para prejudicar a categoria, conseguimos a nossa Carta Sindical. Com esse documento resolveremos problemas como o desconto feito para um tal de Sindserj que não  representa  ninguém”, comemora Gutembergue de Oliveira.

 

A celeuma de ser associação ou sindicato fica definitivamente para trás. “Acabamos com essas ilações de uma vez por todas. Sempre desempenhamos o papel de representantes dos direitos individuais e coletivos dos servidores penitenciários. Agora se finda uma novela de capítulos que em nada contribuíram para a nossa unidade”, anuncia Gutembergue.

 

O DESCONTO SINDICAL PARA O SINDSERJ

O desconto sindical feito no salário do mês de dezembro da categoria só aconteceu devido à impugnação da Carta Sindical que já estava prestes a ser deferida em julho de 2016. “Na verdade, o que determinou esse desconto em favor do Sindserj foi a impugnação da nossa carta pelo tal Sindaperj  (do senhor Camilo). Tal impugnação só  serviu para isso. Mas eis que a verdadeira natureza da nossa instituição foi reconhecida depois de todos os obstáculos postos à nossa frente.  Somos Sindicato  sim! O único e verdadeiro representante político e jurídico dos interesses da categoria”.     

 

Diário Oficial da União, página 40, seção 1 de 10/02/2017